CONFIRA 05 PASSOS PARA UM ARMÁRIO MINIMALISTA


Roupas, sapatos, acessórios em geral estão presentes nas vitrines, revistas de moda, propagandas. Estão nos looks estilosos pelo Instagram, ou em blogs bacanas. Todo esse bombardeio de imagens faz maioria de nós sentir uma necessidade absurda em comprar algo novo. Uma necessidade de consumir produtos que muitas vezes nem precisamos.

A velocidade da indústria da moda não só faz com que venhamos a sentir mais vontade em comprar, mas também em jogar fora cada vez mais coisas. Tornando tudo descartável e sem valor algum.

Por tanto pensar no que e porque consumimos é de estrema importância para o futuro do planeta. E com isso o estilo minimalista vem ganhando força.

Pensando nisso, vou citar cinco dicas para quem quer tentar viver com menos e viver melhor.

1 – LIMPEZA NO ARMÁRIO

O primeiro passo é sem dúvida abrir o seu guarda roupa e olhar todas as peças que estão ali. Mas não como você costuma fazer todos os dias pela manhã. Precisa ser um tempo dedicado de verdade à isto.

Experimente todas as peças, pense no porque de cada roupa pertencer ao seu acervo pessoal. Veja qual a sua reação diante delas, como você se sente quando as veste? Você se sente bem, feliz, bonita com essas roupas ou não?

Nesta primeira etapa é essencial que você seja verdadeira consigo mesma. Mas não tão dura. Tente entender as suas roupas, afinal são elas que traduzem o seu estilo de vida e ditam mensagens ao mundo quando você as usa.

E por último escolha todas as peças que vão ficar e todas que vão ser destinadas à novos lares. Não existe uma regra sobre quantidade de roupas ideal. Aqui você é livre para escolher o que lhe faz se sentir bem, a única exigência é que você refaça esse processo mais algumas vezes.

Com o tempo você vai notar que o processo fica fácil e vai manter no armário somente o que realmente ama.

2 – PENSAR ANTES DE COMPRAR ALGO NOVO

Nem tudo que aparece em propagandas, revistas ou vitrines você realmente precisa. Na grande maioria das vezes as pessoas compram por impulso.

O que gera uma grande dor de cabeça, afinal são essas compras que fazem com que peças fiquem estagnadas no armário por anos e anos.

Agora que você tem uma visão geral do seu guarda roupa e do que você já tem dentro dele pergunte à si mesma se está realmente precisando de algo. Se estiver faltando alguma peça anote o que é sempre pense com o que você vai usar essa nova peça. Seja um casaco, um sapato, uma bolsa ou calcinhas. Planejar antes de comprar é essencial e evita as compras por impulso, sem necessidade e que não combinam com outras peças do nosso armário.

3 – NÃO ESPERE UMA OPORTUNIDADE PARA USAR, CRIE UMA.

Não espere uma oportunidade especial para usar suas roupas, não sabemos o dia de amanhã.

Não fique guardando uma peça linda para um evento especial, se tiver oportunidade USE, do contrário ela vai ficar por tempos dentro do armário e quando a “oportunidade especial” chegar você já vai ter enjoado da peça e vai sair a procura de algo novo.

Experimente usar suas peças do trabalho de maneira diferente no final de semana e vice versa. Você pode se surpreender com a sua criatividade e com os bons resultados das misturas.

4 – SUBSTITUIR AS PEÇAS

Se você comprar algo novo, automaticamente outra peça deve sair do seu armário. Pode ser da mesma categoria (vestido por vestido, saia por saia, casaco por casaco) ou não. O importante é fazer a energia circular e você manter o seu guarda roupa organizado.

Esse processo faz com que você sinta menos vontade de comprar por impulso e garante um guarda roupa otimizado por muito mais tempo.

5 - COMPRAR DE SEGUNDA MÃO OU DE MARCAS AUTORAIS

Experimente entrar em um brechó, experimente trocar peças com amigas. Simplesmente experimente. É divertido demais levar para casa peças que carregam histórias.

E quando não for de segunda mão, sempre que possível pesquise por marcas autorais, de pequenos produtores. Desta maneira você ajuda o comércio local e leva para casa peças com design exclusivo, cheias de estilo e bom gosto. Sem contar que são produzidas com muito mais amor e qualidade.

Além de economizar um bom dinheiro e consumir de forma consciente, de quebra você ainda ajuda o planeta.

Acredite, este é o futuro (presente) da moda. Ser ética com suas escolhas não precisa sair caro. Comece já a incorporar novos hábitos de consumo e veja como se livrando do excesso você terá muito mais criatividade para compor o seu estilo.

2 comentários